Efeitos colaterais: 7 tipos de medicamentos perigosos

Efeitos colaterais: 7 tipos de medicamentos perigosos

Muitas pessoas têm o costume de consumir remédios sem receita médica. Apesar de comum, essa é uma prática extremamente problemática. Afinal, existem medicamentos perigosos que, se utilizados sem recomendação de um profissional, podem causar diversos efeitos colaterais.

Por mais que seja tentador se livrar do desconforto com no máximo uma ida à farmácia, o ideal sempre é procurar o seu médico. Quer compreender melhor a magnitude do problema? Confira a seguir 7 tipos de fármacos comuns e seus efeitos colaterais:

1. Antitérmico e analgésico

Principal classe de remédios usados sem receita, os antitérmicos e analgésicos podem trazer graves consequências à sua saúde. Enquanto o primeiro pode provocar sangramento gástrico, o segundo causa danos ao fígado, além da liberação de hepatoxinas, quando em uso prolongado.

2. Relaxante muscular

O grande problema de um relaxante muscular é o risco de dependência por conta das sensações que ele proporciona.

Além do alívio das dores musculares e impressão de sedação, o medicamento causa sonolência, o que o enquadra na classe dos medicamentos perigosos. Afinal, um paciente que tomou um relaxante pode provocar acidentes fatais se dirigir pouco depois, por exemplo.

3. Descongestionante nasal

Você sabia que existem viciados em descongestionantes nasais? Por esse motivo, há um alerta geral dos médicos quanto ao seu uso, que não pode ultrapassar cinco dias seguidos.

Isso porque a utilização contínua do remédio pode desencadear uma rinite medicamentosa. É muito importante ter cautela quanto ao seu consumo.

4. Antifúngico

Ter uma micose não é algo de outro planeta. Aliás, muitas pessoas já apelaram para algum antifúngico para resolver esse problema aparentemente simples.

Embora a maioria desses remédios seja vendida somente com prescrição médica, é possível obter alguns facilmente na farmácia.

A questão é que, ao usar esse tipo de medicamento por conta própria, enfermidades como dermatofitoses e candidíase podem ter sua cura dificultada. Ou seja, algo simples pode acabar se tornando bem complicado!

Por isso, sempre atente para os riscos de se medicar sem orientação.

5. Colírio

Prescrito como uma maneira de garantir mais conforto aos usuários, muitas pessoas acabam usando-o sem receita médica e em quantidades maiores do que o recomendado.

O que elas não sabem é que, quando consumidos de forma exagerada, os colírios podem causar secreção lacrimal, lesões oculares e até glaucoma. Por isso, só faça uso da solução com a orientação de seu médico.

6. Antialérgico

Muito usado pela população em geral, por causa do aumento da poluição nas grandes cidades, esse medicamento pode levar a problemas sérios.

Dores de cabeça, sensação de sedação e engrossamento das mucosas são somente alguns dos sintomas provocados pelo remédio. Portanto, seu uso só deve ser feito sob prescrição.

7. Antibiótico

Medicamento que mata bactérias específicas sem prejudicar as células do organismo, seu uso inapropriado pode trazer sérias consequências à saúde.

A ingestão excessiva do remédio faz com que bactérias presentes no corpo humano fiquem imunes ao medicamento.

O caso é tão grave que sua utilização generalizada pode fazer com que a população retorne ao início do século XX, quando as enfermidades de caráter contagioso eram as maiores responsáveis pelo índice de mortalidade.

Viu só como consumir medicamentos perigosos pode trazer efeitos colaterais graves para sua saúde? Para se manter prevenido e ficar por dentro de mais informações úteis como essas, não deixe de assinar nossa newsletter!

banners_termosfarmaceuticos_post

Faça seu cadastro e receba tudo por email!

Confira também

X Cadastre-se Faça seu cadastro e receba nossas novidades.