Saiba como montar um kit de primeiros socorros básico para viagens

Saiba como montar um kit de primeiros socorros básico para viagens

Ao contrário do que pode parecer à primeira vista, montar um kit de primeiros socorros para uma viagem significa apenas prudência e não que você esteja chamando para si uma doença, como se costuma dizer. É que imprevistos acontecem e é sempre bom estar preparado, especialmente quem tiver crianças.

Além dos pertences pessoais, é importante levar na mala analgésicos, cremes antialérgicos e que também servem para picada de mosquitos, curativos adesivos, gazes e esparadrapos, água oxigenada, entre outros. Vale lembrar também dos medicamentos controlados que você ou alguém da sua família use e do anticoncepcional.

Para facilitar nessa organização, nós preparamos este artigo para você saber o que levar em uma viagem caso aconteça uma emergência.

O que não pode faltar no kit de primeiros socorros

Itens para curativos

É sempre a melhor solução para limpar pequenos machucados, a fim de evitar complicações, como bolhas e infecções. Servem, também, o álcool 70 e antissépticos. Nessa parte da maleta podem entrar fitas adesivas médicas, gazes, esparadrapos, além de pinças e pequenas tesouras, que ajudam durante o processo de limpeza do local afetado.

Analgésicos e antitérmicos

Podem ser considerados, mas apenas usados se houver prescrição médica. Os analgésicos e antitérmicos são excelentes contra o mal-estar no corpo, que pode ser provocado por mudanças bruscas na temperatura ou choque térmico.

dipirona e o paracetamol são os dois mais conhecidos, mas comumente usados de maneira errada. Procure sempre um médico para entender e saber quando usá-los!

Antialérgicos

Também sob prescrição médica, antialérgicos devem ser incluídos no seu kit de primeiros socorros. Ainda mais se você sabe que é sensível a algum alimento ou material específico, como roupas de cama e travesseiros. No caso das pomadas antialérgicas elas costumam aliviar bastante coceiras e picadas de insetos.

Termômetro

É fundamental carregar um termômetro na bolsa. Certifique-se de que tem um em casa e se ele está funcionando. Prefira os digitais, pois os de mercúrio não podem ser transportados no avião, além de ter fácil manuseio até mesmo por quem não é muito familiarizado com o equipamento.

Medicamentos

Por fim, não se esqueça de separar o anticoncepcional e os medicamentos controlados que você ou alguém da família tome diariamente, como remédios para hipertensão, diabetes, entre outros tratamentos. Vale, também, pedir ao seu médico remédios antidiarreicos, problema que pode ser bastante comum durante uma viagem, especialmente quem vai para lugares com alimentação bem diferente da que se está acostumado.

Adesivo para dor muscular

As dores musculares são muito frequentes durante uma viagem, seja de carro, ônibus ou avião. Os adesivos para esse tipo de problema aliviam o problema e incômodos que também possam surgir após trilhas e longas caminhadas.

Uma dica é levar todos esses itens em um nécessaire que caiba em qualquer bolsa ou mochila. No caso dos remédios, é interessante mantê-los na caixa original e a prescrição médica em mãos, caso sejam solicitados por funcionários aduaneiros.

Com esse kit de primeiros socorros certamente você vai conseguir atender a qualquer emergência. Por isso, quando estiver programando a próxima viagem, não se esqueça de acrescentá-lo na bagagem. Assim, você evita problemas maiores e aproveita o passeio.

O artigo foi útil para você? Assine a nossa newsletter para continuar recebendo dicas incríveis sobre medicamentos, saúde e bem-estar. Até a próxima!

banners_tendenciasdacarreirafarmaceutica_post

Faça seu cadastro e receba tudo por email!

Confira também

X Cadastre-se Faça seu cadastro e receba nossas novidades.