Nariz entupido: saiba como descongestioná-lo

Nariz entupido: saiba como descongestioná-lo

A congestão nasal é um problema incômodo que pode surgir diversas vezes ao longo da vida, principalmente em épocas de clima seco. Um nariz entupido pode apresentar muitos sintomas diferentes, e o diagnóstico precisa ser feito para que o melhor tratamento seja escolhido.

Felizmente, existem algumas soluções, caseiras ou não, que podem ajudar a aliviar o desconforto e descongestionar o nariz entupido. Veja algumas delas.

Como aliviar o desconforto com o nariz entupido?

Veja, a seguir, algumas das principais formas de aliviar o desconforto com o nariz entupido. Assim, você pode melhorar a sua saúde e conforto quando esse problema ocorrer.

Massagem no seio nasal

Embora algumas pessoas acreditem que o muco é a causa do nariz entupido, a verdade é que, apesar de ele atrapalhar, o que realmente impede a passagem do ar é o edema (inchaço) das mucosas. Esse edema, por sua vez, é causado pela inflamação e pelo ingurgitamento dos vasos sanguíneos da região.

Ao fazer a massagem dos seios nasais, é possível estimular a circulação sanguínea da área, além de auxiliar na dissolução e na distribuição do muco. É preciso usar os dedos indicadores médios, com as mãos sobre os seios, abaixo da cavidade ocular.

Depois, é só fazer movimentos circulares por 20 ou 30 segundos nas regiões próximas ao nariz e também abaixo dos olhos. Movimentos circulares para fora, com os polegares apoiados sobre as bochechas, também ajudam bastante.

Banho quente

Umidificar o ar é muito importante para melhorar os sintomas, já que o ar seco irrita as mucosas e piora a congestão nasal. Embora o nebulizador e o umidificador possam ajudar, banhos quentes também são um uma boa opção.

O vapor da água atravessa o sistema respiratório, diluindo o muco e descongestionando temporariamente o nariz. Também é possível colocar água quente em uma bacia, aproximar o rosto do vapor e colocar uma toalha. Isso fará uma espécie de “cobertura”, impedindo o vapor de sair rapidamente.

Lavagem da cavidade nasal

Lavar a cavidade nasal é essencial, principalmente quando a secreção está espessa ou amarelada. Nesse processo, basta colocar o soro em uma narina até que ele saia pela outra. 10 a 20 ml de soro são o suficiente, ao menos uma vez ao dia. Existem até alguns produtos específicos que podem ajudar a realizar as lavagens.

Medicamentos para o tratamento do nariz entupido

Os medicamentos são necessários apenas quando os sintomas estão muito intensos. Já quando o incômodo é causado por fumaças, cheiros fortes, comidas picantes, corpos estranhos obstruindo a passagem de ar (caso muito comum em crianças pequenas) e pólipos nasais, os remédios não poderão ajudar.

Em casos de viroses, como gripes e resfriados, não há como tratar a infecção, mas os sintomas podem ser amenizados até que o vírus seja controlado pelo sistema imunológico.

Os anti-histamínicos atacam outros sintomas da virose e causam sonolência, proporcionando uma noite de sono mais tranquila. Os descongestionantes também podem ser usados, mas sempre com cuidado.

Isso porque, quando utilizados por mais de três dias seguidos, podem causar o “efeito rebote” e provocar o entupimento do nariz novamente. Além disso, abusar desse tipo de medicamento pode gerar dependência e rinite crônica, que só é aliviada quando os remédios são utilizados.

Ademais, o uso dos medicamentos não é indicado para crianças pequenas e nem para gestantes, embora as grávidas tenham uma tendência maior a sofrer com esse problema. Acredita-se que seja por conta das variações hormonais e hemodinâmicas que causam o aumento da circulação sanguínea nasal e deixam o nariz entupido. O problema é chamado de “rinite da gravidez”.

Lavagem nasal

A lavagem nasal pode ser realizada tanto em um consultório, por meio de um otorrinolaringologista, quanto em casa, por você mesmo. Ela ajuda bastante a amenizar o desconforto do nariz entupido e pode ser feita tanto em adultos quanto em crianças. Uma vantagem para os pequenos é que esse é um procedimento rápido, com pouco desconforto.

A lavagem é feita com uma mistura de água e soro fisiológico, sendo aplicada nas cavidades nasais. Normalmente pode ser feita com higienizadores, que são produtos específicos para esse fim.

Porém, como os higienizadores nasais são itens que ainda não estão presente em todas as cidades, caso você não os encontre, pode optar pela aplicação com uma seringa. Basta fazer uma mistura de água filtrada com soro fisiológico e aplicá-la no nariz.

Por outro lado, caso você não tenha soro fisiológico em casa, pode fazer a seguinte mistura:

  • 1 litro de água filtrada;
  • 1 colher de sopa de sal grosso;
  • 1 colher de chá de bicarbonato de sódio.

Misture até que todo o sal grosso se dissolva na água. Lembre-se: se a concentração não estiver correta, a solução poderá mais atrapalhar do que ajudar. Então, tenha cuidado!

Para adultos, aplique entre 10ml e 20ml de soro em cada narina. Para crianças, aplique 5ml em cada narina.

Umidificador de ambiente

Uma das causas do nariz entupido é o clima seco, que desencadeia crises alérgicas, como rinite e sinusite. Nesses casos, ter um umidificador de ar poderá trazer um grande alívio para a pessoa.

Isso porque a umidade ajuda a deixar os tecidos das vias respiratórias mais hidratados e, consequentemente, diminui a obstrução nasal, uma das principais causas para o surgimento da coriza.

Ele pode ser utilizado de forma combinada com a limpeza nasal sem maiores problemas. Porém, os médicos recomendam que o umidificador seja utilizado apenas quando a umidade relativa do ar estiver abaixo de 30%.

Compressa de água quente

Para quem está passando por algum processo inflamatório no nariz, como rinite e sinusite, uma compressa de água quente pode ser fundamental para trazer alívio aos seios nasais e, assim, diminuir a irritabilidade e o inchaço do local.

O ideal é que você aplique uma compressa na região, com um pano para proteger a pele de possíveis queimaduras, por aproximadamente 15 minutos. O procedimento pode ser feito, em média, três vezes ao dia.

Ele também pode ser combinado com as outras medidas que falamos acima, como uma forma de trazer o alívio necessário para o seu quadro.

Quais são as principais causas do nariz entupido?

Além de saber como aliviar o desconforto do nariz entupido, é fundamental que você identifique quais são as principais causas que levam a esse tipo de problema. Afinal, ao tratar apenas os sintomas, você não evitará que o mal se repita ao longo do tempo. Veja, a seguir, os principais fatores que influenciam o aparecimento dessa situação.

Resfriado

O resfriado comum é uma das doenças mais recorrentes na sociedade brasileira. É uma espécie de infecção viral que chega à pessoa pelas vias orais (boca, olhos ou nariz). Além do nariz entupido, ele também causa outros sintomas, tais como:

  • febre baixa (até 39,5°C);
  • sonolência;
  • dor no ouvido;
  • dor ou coceira na garganta;
  • dor no corpo;
  • tosse.

Gripe

A gripe é outra doença bastante comum no Brasil, que leva ao nariz entupido. Ela é causada pelo vírus Influenza e é mais comum nos períodos de frio, especialmente no inverno. A gripe normalmente é obtida por meio das vias respiratórias, por secreções suspensas no ar.

Em alguns casos, ela pode se complicar e se transformar em pneumonia, miosite, encefalite ou polirradiculoneurite.

Podemos dizer que a gripe causa os seguintes sintomas:

  • febre alta (mais de 38°C);
  • tosse;
  • mal-estar;
  • fraqueza;
  • dor de cabeça;
  • dor no corpo;
  • dor de garganta;
  • coriza.

Sinusite

A sinusite é a inflamação das mucosas presentes nos seios da face. Essa inflamação gera a secreção que leva ao entupimento do nariz. Ela pode ocorrer em crises agudas ou, em alguns casos, pode ser uma doença crônica, necessitando de um tratamento mais longo.

Seus sintomas, além do nariz entupido, são:

  • febre;
  • cansaço
  • dores musculares;
  • perda de apetite;
  • secreção nasal amarelada, esverdeada ou com sangue.

Rinite

A rinite também é um processo inflamatório das mucosas nasais. Ela pode ser causada por alergia ou não. Ainda, pode surgir por fatores hereditários. Alguns dos principais gatilhos para o surgimento do quadro de rinite são:

  • ácaros;
  • pelos de animais;
  • fungos;
  • descamação da pele;
  • mofo;
  • pólen;
  • perfume forte;
  • alguns alimentos;
  • determinados vírus e bactérias que acometem as vias respiratórias;
  • mudanças bruscas de temperatura.

É também bastante semelhante à gripe e à sinusite em seus sintomas. São eles:

  • coceira no nariz, na garganta, no céu da boca e nos olhos;
  • espirros;
  • edema na mucosa, que leva à obstrução do nariz.

Alergias do trato respiratório

Outras alergias do trato respiratório que não são tão comuns podem também desencadear o quadro do nariz entupido. Elas também são recorrentes em dias frios e podem ser causadas por alguns gatilhos. Entre as principais, podemos citar:

  • asma;
  • bronquite;
  • faringite;
  • laringite;
  • amigdalite.

Saber quais são os principais tipos de doenças que causam o nariz entupido é importante para identificar o que fazer quando esse quadro se instalar. Afinal, cada uma das enfermidades têm um tratamento diferente e, por isso, é fundamental saber qual deve ser realizado a fim de conseguir melhores resultados para você.

Qual a importância de procurar um médico?

Todas as medidas que falamos acima são paliativas, ou seja, elas trazem o alívio necessário, mas não curam o problema que está causando o nariz entupido definitivamente

Por isso, é importante que você procure um médico para que ele avalie de forma adequada a sua situação. Caso contrário, o quadro poderá piorar e, até mesmo, trazer complicações severas à saúde.

Entendeu como lidar com o nariz entupido? Agora, para que você consiga manter seu bem-estar, que tal descobrir 5 tipos de remédio para cuidar da gripe e se recuperar mais rápido?

Faça seu cadastro e receba tudo por email!

Confira também

X Cadastre-se Faça seu cadastro e receba nossas novidades.